Ads

Resenha | Um Marido de Faz de Conta - Julia Quinn


Resenha de Um Marido de Faz de Conta, de Julia Quinn, autora da série Os Bridgertons 
 Alguns casamentos acontecem por amor, outros não passam de uma mentira

Sobre o livro

Depois de perder o pai e ficar sabendo que o irmão Thomas foi ferido durante uma batalha nas colônias, Cecilia Harcourt tem duas opções igualmente terríveis: se mudar para a casa de uma tia solteira ou se casar com um primo vigarista. Então ela cruza o Atlântico, determinada a cuidar de seu irmão pelo tempo que for necessário. Só que, após uma semana sem conseguir localizá-lo, ela acaba encontrando seu melhor amigo, o lindo oficial Edward Rokesby. Ele está inconsciente, precisando desesperadamente de cuidados, e Cecilia promete salvar a vida desse soldado, mesmo que para permanecer ao lado dele precise contar uma pequena mentira...

Opinião pessoal

Ler um livro escrito por Julia Quinn sempre é uma experiência especial – já disse isso em muitas resenhas por aqui , e os Rokesby conquistaram seu lugar em meu coração. Por isso, não é uma surpresa dizer que estava muito ansiosa por ler Um Marido de Faz de Conta.

Na história somos apresentados a Edward, um capitão do exercito britânico lutando nas colônias americanas, e Cecília, uma intrigante jovem que é irmã do melhor amigo de Edward, Thomas.

O casal se conhece por um meio inusitado: cartas entre os irmãos Thomas e Cecília – uma narrativa não tão inovadora, já que temos Eloise Bridgerton para comprovar isso – e nessas pequenas trocas de conversa que se inicia o afeto entre os dois.
Depois de descobrir sobre um ferimento do irmão, Cecília parte para a América para ajudá-lo e encontra Edward em uma situação ainda pior: desacordado e sem memória.

Para ajudá-lo, a jovem conta uma mentira: que ela é casada com Edward e esse fato desencadeia uma série de confusões que Cecilia terá que contornar para ajudar Edward e o próprio irmão.

Um Marido de Faz de Conta é uma história leve que possibilita que o leitor termine a obra em poucos dias - até mesmo em um, caso ele tenha tempo.

Diferente de outros romances de época, ele é contextualizado fora do eixo Inglaterra-Escócia-França (destinos tradicionais), se passando no Novo Mundo. Mas a essência do gênero continua presente pelo cavalheirismo, costumes e bom-senso britânico.

O 'drama' da história está centrado na mentira de Cecília e no momento em que ela decidirá contar a verdade, se envolvendo cada vez mais com Edward em um casamento falso.

Particularmente senti falta de grandes reviravoltas na narrativa – que são marcantes na história de Julia e que tanto nos encantam. O final é extremamente previsível – diferente de Uma Dama Fora dos Padrões (primeiro livro da série) – fazendo com que o leitor adivinhe o desfecho desde o começo.
  
Mas uma coisa é certeza: as últimas páginas prometem colocar a família Rokesby de pernas para o ar, dando a entender que Um Marido de Faz de Conta é uma obra de ‘meio termo’, afinal ela se passa ao mesmo tempo em que Uma Dama Fora dos Padrões (ambientada na Inglaterra). 
Título Nacional: Um Marido de Faz de Conta
Título Original: The Girl With the Make-Believe Husband
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Ano: 2019
Especificações: 304 páginas
ISBN: 9788580419221
Avaliação: ★★★★

Nenhum comentário