[RESENHA] Lady Whistledown Contra-Ataca – Julia Quinn (Editora Arqueiro)

Olá pessoal,

Hoje trago para vocês um dos melhores livros que já li em 2018: LADY WHISTLEDOWN CONTRA-ATACA*, da magnífica Julia Quinn.

Nessa encantadora história temos contato com quatro contos escritos em parceria com Suzanne Enoch, Karen Hawkins e Mia Ryan, que trazem o melhor da personagem mais amada e odiada do século XIX, Lady Whistledown. Confiram!

Sobre a obra

Quem roubou o bracelete de Lady Neeley?

Terá sido o caça-dotes? O apostador? A criada? Ou o libertino? Londres está fervendo com as especulações, mas, se ainda restam muitas dúvidas, pelo menos uma coisa é certa: um desses quatro está envolvido no crime.
Crônicas da sociedade de Lady Whistledown, maio de 1816

Opinião pessoal

Julia Quinn verdadeiramente merece o título de rainha dos romances de época e Lady Whistledown Contra-Ataca é sua uma confirmação disso.

A autora teve coragem, disposição e mente aberta para emprestar seu personagem mais querido (e emblemático) para três grandes autoras - Suzanne Enoch, Karen Hawkins e Mia Ryan - construírem seu próprio universo, se divertirem e criarem altas confusões no século XIX.

O livro é composto por quatro contos, cada um assinado por uma autora, que se completam e dão sentido a história.

Em O Primeiro Beijo somos apresentados ao pano de fundo do livro: uma joia que é roubada durante um jantar com grandes personalidades da alta sociedade, cuja dona começa a distribuir especulações sobre os possíveis ladrões. Ainda no conto, conhecemos Tillie e Peter, uma casal atraído pela perda de uma pessoa querida que descobrem que da tristeza pode nascer um grande amor.

A Última Tentação conta a história do que sobrou da festa arruinada pelo roubo e da busca de Bella, uma jovem acompanhante sem dinheiro que cruza o caminho do charmoso Lorde Roxbury e descobre que a felicidade é muito mais do que se estabelecer como uma grande organizadora de festas.

O Melhor dos Dois mundos foi o meu conto favorito, uma história para quebrar paradigmas e realmente surpreender a sociedade. Nela encontramos Charlote e Xavier, um casal que procura um no outro o que lhes falta para ser feliz, mas que encontra berreiras em um escandâlo do passado e nas atitudes libertinas de Xavier.

O Único para Mim finaliza a história e a saga para encontrar o verdadeiro ladrão da joia. É nela que encontramos o principal suspeito, Max, um repatriado londrino que volta a cidade após um escândalo de trapaça e abandono da esposa Sophia. Ambos tiveram 15 anos para ficarem longe um do outro, mas o amor e atração que liga Max e Sophia são únicos e mais forte do que parece.

Terminei o livro com gostinho de quero mais - por mim poderiam ter mais uns 20 livros com o humor ácido de nossa querida Lady Whistledown. 

Fãs de Os Bridgertons não podem deixar de conferir a obra e garantir seu exemplar na estante!

Título Nacional: Lady Whistledown Contra-Ataca
Título Original: Lady Whistledown Strikes Back
Autora: Julia Quinn Feat Suzanne Enoch, Karen Hawkins e Mia Ryan 
Editora: Editora Arqueiro
Ano: 2017
Especificações: 352 páginas
ISBN: 9788580417678 
Avaliação: ★★★★★

* Livro cortesia da Editora Arqueiro 

Sobre a autora

Julia Quinn é o pseudônimo de Julie Pottinger, uma reconhecida escritora americana que iniciou sua carreira escrevendo como um hobbie durante os estudos para ingressar na Faculdade de Medicina, na Yale School of Medicine.

Desde a juventude Julie já escrevia romances e chegou a terminar Sweet Dreams, mas a obra não foi bem recebida pelas editoras. A paixão pela escrita persistiu ao fracasso inicial e logo recebeu a oportunidade de publicar Splendid e Dancing At Midnight, abrindo as portas para que a autora mergulhasse no universo literário, recriando o século XIV com graça e bom humor.

Com o passar dos anos seus livros já atingiram a marca de 8 milhões de exemplares vendidos, em 26 idiomas, sendo 3,5 milhões da série Os Bridgertons, sendo a autora mais jovem a entrar para o Romance Writers of America’s Hall of Fame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos.

Atualmente Julia mora com a família no Noroeste Pacífico.

Nenhum comentário